[email protected] (66) 2101-4000 Acesso Restrito

Notícias e Novidades

publicado em 18 de julho de 2017

USDA reduz índice de lavouras em boas condições e milho sobe mais de 11 pts na manhã desta 3ª feira na CBOT:

As cotações futuras do milho iniciaram a sessão desta terça-feira (18) do lado positivo da tabela na Bolsa de Chicago (CBOT). As principais posições do cereal testavam ganhos de mais de 11 pontos, perto das 8h47 (horário de Brasília). O setembro/17 era cotado a US$ 3,86 por bushel, enquanto o dezembro/17 trabalhava a US$ 3,99 por bushel.

O mercado voltou a subir após o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) indicar uma redução no índice de lavouras em boas ou excelentes condições, de 65% para 64%. Cerca de 25% das plantações apresentam condições medianas e 11% têm condições ruins ou muito ruins. As informações foram reportadas no final desta segunda-feira, em seu novo boletim de acompanhamento de safras.

“O clima permanece muito quente em muitas partes do Meio-Oeste dos EUA que tem culturas de milho com umidade muito modesta disponível”, disse Tobin Gorey no Commonwealth Bank of Australia, em entrevista ao Agrimoney.com, acrescentando que “essa é uma combinação muito acidental”.

O analista reportou que “esperamos que haja perdas de rendimento nestas áreas, mas que podem ficar dentro das tolerâncias normais ou acima delas”. Segundo o NOAA  – Serviço Oficial de Meteorologia do país – nos próximos 8 a 14 dias, as temperaturas permanecerão elevadas no cinturão produtor do cereal. No mesmo período, as chuvas deverão ficar abaixo da normalidade em grande parte do Meio-Oeste.

NOTÍCIAS AGRÍCOLAS