[email protected] (66) 2101-4000 Acesso Restrito

Notícias e Novidades

publicado em 14 de março de 2017

Produção está mais homogênea neste ciclo:

Ainda conforme atualização do Boletim da Soja do Imea, além da confirmação de boa produtividade da oleaginosa no Estado, a safra entra em um momento em que é possível se observar um outro ponto importante do aspecto das plantas, a homogeneidade no rendimento por hectare, algo bem diferente do que se viu no ano passado.

“Ao ser analisada a produtividade de cada região se percebe uma grande discrepância em relação ao cenário do ano passado. Neste ano, a região médio norte apresenta a maior produtividade dentre as regiões e a região oeste registrou um leve recuo anual, em reflexo ao excesso de chuva que prejudicou algumas lavouras nesta safra. De maneira geral, a diferença entre a região a apresentar a maior e a menor produtividade foi de apenas 2,6 sc/ha na safra 2016/17, contra a grande diferença de 8 sc/ha em 2016”, apontam os analistas do Imea.

Na região médio norte, a produtividade média até o momento – com 88% da área estadual plantada já colhida – é de 56,19 sc/ha contra 48,17 sc/ha consolidadas no ciclo passado, o que revela um incremento anual de 16,66%. Outra região em ascensão é a nordeste com crescimento de 16,36%, seguida de expansões em outras duas importantes regiões produtoras do grão: sudeste e centro-sul com aumento de 4,99% e 8,74%, respectivamente. Apenas o oeste do Estado, que enfrentou problemas com as chuvas durante o mês de fevereiro, viu a média de produtividade recuar. Na comparação anual o Imea aponta que até o momento há perdas de 0,02%, já que a média passou de 54,40 sc/ha para 54,38 sc/ha. (MP)

DIÁRIO DE CUIABÁ