sementes.petrovina@petrovina.com.br (66) 2101-4000 Acesso Restrito

Notícias e Novidades

publicado em 21 de maio de 2018

Preço da soja dá uma guinada no Brasil:

Valorizações da sexta reduziram as perdas mensais acumuladas.

As cotações da soja tiveram nesta sexta-feira (18.05) um dia de altas no mercado físico brasileiro, influenciado pela valorização do Dólar e da CBOT (Bolsa de Chicago). De acordo com os índices do Cepea, feitos junto aos diversos participantes do mercado, em média os preços subiram 0,94% nos portos e 1,22% no interior do País.

Segundo o analista Luiz Fernando Pacheco, da T&F Consultoria Agroeconômica, o fator principal das altas foi a alta de 1,04% no dólar negociado no Brasil, que se somou à alta de 0,35% do contrato de Julho em Chicago. Como resultado, as cotações reduziram as perdas mensais acumuladas para 1,13% nos portos e 1,17% no interior.

No RS os preços terminaram a semana em R$ 87,00/saca no porto para junho, R$ 90,00 para agosto, R$ 95,00 para maio do ano que vem. No interior havia compradores a R$ 86,00/saca, para entrega abril/19 e pagamento maio/19. “Excelente preço, lucro de aproximadamente 43%”, comenta Pacheco.

No PR, safra atual no balcão a R$ 80,00 em Ponta Grossa, R$ 84,00 lote spot e R$ 87,00 no porto. No MS, Dourados essa semana variou de R$76,00 a R$ 78,00 pagamento final de junho. Soja 2019 saiu na casa de R$72,00 em Dourados, tendo rodado cerca de 100.000 tons. No MT rodou soja em Rondonópolis com indicação de R$ 78,50 para entrega e pagamento em julho e Cuiabá com alguma indicação a R$ 74,00 no disponível imediato.

“Os prêmios de exportação no porto de Paranaguá voltaram a cair nesta sexta-feira, cerca de 3cent/bushel para julho (situandose em 86), 9 para agosto (105) e 16 para setembro (120), na exata medida dos avanços de Chicago para estes meses”, conclui o analista.

AGRO LINK