sementes.petrovina@petrovina.com.br (66) 2101-4000 Acesso Restrito

Notícias e Novidades

publicado em 3 de abril de 2018

Preço da soja bate recorde na temporada:

Preços subiram 0,90% nos portos e 0,60% no interior do País.

As cotações da soja tiveram nesta quinta-feira (29.03) mais um dia de altas no mercado físico brasileiro, atingindo a quarta valorização consecutiva e um preço recorde na temporada, em consonância com a Bolsa de Chicago (CBOT). De acordo com a T&F Consultoria Agroeconômica, em média os preços subiram 0,90% nos portos e 0,60% no interior do País.

O analista da T&F Luiz Fernando Pacheco afirma que as boas margens de esmagamento no Brasil e a boa demanda de exportação fizeram os preços internos subirem mais do que os preços nos portos. Segundo ele, as cotações ultrapassaram o nível de resistência que vinha se mantendo nos últimos 15 dias, para as cotações no interior do país, enquanto as cotações nos portos foram impulsionados pela forte alta de 2,6% em Chicago e de 0,93% na cotação do dólar no Brasil.

 FUNDAMENTOS;
De acordo com mapas climáticos analisados pela AgResource, no Brasil a presença da massa de ar quente sobre o Centro-Leste continua repelindo a chegada de umidade expressiva: “No entanto, tal evento perde forças e dá espaço para a volta das chuvas a partir do dia 5-6 de abril. Os estados produtores de safrinha irão se beneficiar de totais pluviométricos acumulados em um raio de 40-75mm acumulados dentro dos próximos 10 dias. Nenhuma ameaça climática generalizada é oferecida para o Brasil”.
Segundo monitoramento da AgRural antes do feriado, a colheita de soja da safra 2017/18 no Brasil atingiu 71% da área, o que representou um avanço de seis pontos percentuais em uma semana. Com isso, os trabalhos seguem aquém do observado há um ano (74%), mas superam a média dos últimos cinco anos (69%) para este período.