sementes.petrovina@petrovina.com.br (66) 2101-4000 Acesso Restrito

Notícias e Novidades

publicado em 17 de abril de 2018

Milho Bt beneficia campos adjacentes:

Pesquisa acabou de vez com mito de que Bt pode ser maléfico.

Uma pesquisa recente confirma que o cultivo do milho Bt nos Estados Unidos reduziu drasticamente o uso de inseticidas e tem beneficiado aos agricultores que cultivam cultivos convencionais e ecológicos em terras adjacentes.

A descoberta, realizada por cientistas da Universidade de Maryland e publicada na revista Proceeding of the National Academy of Sciences, rebate as críticas de determinados grupos verdes que na sua luta contra a biotecnologia agroalimentar afirma que os cultivos transgênicos aumentam o uso de pesticidas e supõe uma ameaça para a agricultura ecológica quando a realidade é muito diferente.

Os pesquisadores examinaram as populações de duas pragas de insetos que afetam o milho, que inclui o Ostrinia nubilalis, e que também ataca vegetais como pimenta.

O estudo analisa a presença destas duas pragas e depois a adoção generalizada do milho Bt em 1996. Os cientistas registraram uma forte diminuição as populações destas pragas de insetos depois da introdução generalizada do milho Bt nos cultivos americanos.

O estudo confirma que o cultivo do milho Bt criou um “efeito halo” que beneficia os cultivos adjacentes, sendo convencionais ou ecológicos. Esse efeito permitiu aos produtores de hortaliças reduzir drasticamente a aplicação de inseticida orientada a evitar danos em seus cultivos. Por exemplo, a diminuição da pressão das pragas em Nova Jérsei permitiu aos agricultores reduzir o uso de inseticidas no milho doce em 79% e em pimenta de 85%.

“O primeiro trabalho publicado mostra os benefícios externos a outras plantas hospedeiras para uma praga como a Ostrinia nubilalis, uma praga importante para muitos outros cultivos”, explica o autor princiapl do estudo, Galen Dively, professor emérito e consultor de manejo de pragas no Departamento de Entomologia da Universidade de Maryland.

“Estamos vendo uma supressão de mais de 90% da população europeia da Ostrinia nubilalis em nossa área para esses cultivos, o que é incrível”.

O benefício protetor da adoção de sementes transgênicos sobre cultivos ecológicos e convencionais havia sido sugerido anteriormente, mas esta é a primeira vez que foi confirmada por uma extensa investigação de campo. Além disso, o estudo demonstra que os cultivos Bt também podem ser beneficiosos para o meio ambiente e que além de reduzir a aplicação de fitossanitários promove serviços de controle biológico mediante a manutenção de populações de predadores benéficos como joaninhas, crisopídeos ou aranhas, um componente importante do manejo integrado de pragas.