sementes.petrovina@petrovina.com.br (66) 2101-4000 Acesso Restrito

Notícias e Novidades

publicado em 25 de fevereiro de 2016

Soja em Chicago opera com estabilidade à espera do Fórum do USDA:

Os futuros da soja negociados na Bolsa de Chicago operam com ligeira alta na sessão desta quinta-feira (25) na Bolsa de Chicago. As cotações subiam, por volta das 7h50 (horário de Brasília), entre 1,50 e 2,25 pontos, levando o julho/16 a US$ 8,80 por bushel.

O mercado retoma parte das pequenas baixas registradas no pregão anterior e, ao mesmo tempo, espera garantir uma boa posição à espera dos números que devem ser reportados hoje no Agricultural Outlook Forum realizado pelo USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos).

Neste evento começam a chegar as primeiras projeções sobre a safra 2016/17 e, com isso, a nova temporada norte-americnaa pode ganhar cada vez mais espaço nas negociações internacionais. A expectativa de algumas consultorias internacionais é de um aumento na área de plantio de soja em cerca de 0,7% em relação à safra 2015/16.

Com estabilidade no mercado internacional e do dólar frente ao real, os preços da soja no Brasil também registraram um dia de pouca movimentação nesta quarta-feira (24). Os negócios também pouco evoluíram, com os sojicultores ainda focados na colheita e aguardando os melhores momentos para virem a comercializar o que ainda resta da safra 2015/16 após elevados volumes vendidos antecipadamente.

Nos portos, os valores que mais cedo subiam acompanhando o avanço da moeda norte-americana, voltaram a recuar, também de acordo com o movimento do câmbio, o qual passou para o campo negativo no final dos negócios. O dólar encerrou o pregão com 0,15% de baixa e cotada a R$ 3,9568, após a máxima de R$ 4,009 e apesar do rebaixamento da nota de crédito do Brasil feito pela agência de classificação de risco Moody’s.

Assim, o preço da soja disponível no terminal de Paranaguá fechou a quarta-feira em R$ 78,00, estável, enquanto caiu 0,63% para R$ 78,50 por saca em Rio Grande. Já as referências para as entregas maio e junho/16 ficaram em, respectivamente, R$ 77,50 e R$ 80,00, perdendo 0,64% e 1,36%.

FONTE:  SÓ NOTÍCIAS